Somente Cristo! Somente a Bíblia!

"Fiz uma aliança com Deus: que ele não me mande visões, nem sonhos, nem mesmo anjos. Estou satisfeito com o dom das Escrituras Sagradas, que me dão instrução abundante e tudo o que preciso conhecer, tanto para esta vida quanto para o que há de vir." - Martinho Lutero
Carregando...

terça-feira, 10 de abril de 2012

Comunidade Adventista do Orkut Já Estabeleceu ”Inquisição Adventista”



Logo da comunidade inquisitiva que membros adventistas mantém no Orkut.

Os adventistas do sétimo dia, como Igreja e Instituição, se orgulham de defenderem a bandeira da liberdade religiosa ao redor do mundo. Mas infelismente a liberdade religiosa não existe pelo menos na sua maior comunidade do Orkut. A Comunidade ADVENTISTAS DO 7° DIA de 86 mil membros estabeleceu um sistema de governo que prima pela ditadura dos mais influentes, com o objetivo de calar qualquer grupo de pessoas que seja contrário a forma ou maneira como a comunidade é administrada ou que questione qualquer doutrina da Igreja Adventista do Sétimo Dia. A denúncia vem da Comunidade Virtual Adventista com mais de 9 mil membros.

Conforme a denúncia de várias pessoas que postam na Comunidade Virtual Adventista, vários temas ou assuntos foram proibidos por anos na Comunidade Adventistas do 7° Dia. Os Temas indexados, ou proibidos, semelhantes a inquisição católica da Idade Média são:

1- Trindade (conforme denúncias, qualquer conversa sobre esse tema foi proibido por anos e se encontra ainda sob severas regulamentações ditadoriais, ou seja, não é livremente permitido falar sobre esse assunto na comunidade).

2- Dízimo

3- Perfeccionismo ou Imperfeccionismo do Cristão

4- Natureza pré-lapsariana (de Adão antes da queda) ou pós-lapsariana (Adão Após a queda) de Jesus Cristo.

Para regulamentar o bom convívio, ou seja, o controle das mentes, foi criado uma longo regulamento de leis. O membro é obrigado a ler  as centenas de tópicos e se certificar de que não criará um repetido sob pena de ter suas idéias deletadas. Conforme o título 1 os assuntos permitidos são os que “favoreçam o crescimento espiritual, intelectual e social dos referidos membros”. Semelhante a  Juízes, eles decidem o que é relevante e o que não é (Trindade, Dízimos, Natureza de Cristo não são considerados relevantes) para ser discutido livremente na comunidade. Se insistir será banido, como Hitler ou o Ditador Coreano Kim Jong-il faziam com seus desafetos.

De acordo com o Titulo III Parágrafo 1° II das normas é dever do membro: “Abster-se de elaborar análises pejorativas acerca do caráter, da personalidade, do temperamento ou das capacidades dos demais participantes da comunidade”.

Visto que os moderadores enfrentam picos de revolta de muitos adventistas, foi proibido qualquer manifestação contra a moderação da comunidade. Os membros não podem tecer comentários sobre a personalidade e o temperamento de ninguem, especialmente dos moderadores, mas esses podem julgar e moderar todos os membros. Semelhante as ditaduras, os membros não possuem capacidade de livre manifestação perante os demais membros, sob pena de expulsão.

O Título V das leis da comunidade tratam das advertências, suspensões e expulsões. Mas como os moderadores agem a seu bel prazer, através de um código moral particular que envolve escárnio e ataque a pessoas adventistas ou não adventistas, o julgamento pode ser dar no mesmo dia, ou melhor, de madrugada, com a expulsão de qualquer membro que seja considerado desafeto da administração. O membro advertido deve se retratar publicamente se quiser continuar como membro, mas dificilmente um moderador se retrata de qualquer coisa, pois eles se auto-consideram donos da verdade e mantenedores da ordem.

Conforme denúncia de membros da Comunidade Virtual Adventista, os moderadores da Comunidade Adventistas do 7° Dia agem com escárnio perante os membros. Os adventistas desafetos são chamados de “GUETO”, no sentido de serem pessoas desprezíveis, sujas e que deveriam se retirar do convívio dos santos (os moderadores ditadores). Os adventistas sujos, conforme pensam os moderadores, são aqueles que questionam qualquer doutrina da denominação, especialmente a doutrina da Trindade.

Um dos tópicos deletados da comunidade foi o seguinte:


A liberdade de expressão é talhada na comunidade da mesma maneira como nas comunidades católicas do Orkut. Nas comunidades católicas qualquer membro que questione as doutrinas da igreja é expulso ou ridicularizado extensivamente. Isso é constrangedor para todos que levam o nome adventista e defendem a livre manifestação de pensamento.

A manifestação de pensamento também é restringida na comunidade por meio de tópicos controlados. Vejamos a denúncia:


Outro ponto muito importante diz respeito a fé corrompida dos moderadores, ou seja, eles próprios possuem um ódio particular contra adventistas que defendem que o apocalipse ocorrerá nessa geração ou adventistas que defendem o vegetarianismo. Certo moderador, não se cansa de tirar sarro dos adventistas que não comem carne. Chama eles de “Alfacistas do Sétimo Dia”, “amantes do alface” “Evangelho do Alface” entre outros apelidos escarnecedores. Alguns dizem que “nem tudo o que Ellen White escreveu era inspirado”, desfazendo da profetisa de sua própria religião. Acham que o adventismo é um produto da cultura do século XIX. Outros moderadores, condenam qualquer tipo de pregação da mensagem adventista em comunidades de outras religiões no Orkut. Mas todos parecem estar de acordo que DANIEL SPENCER, o pregador da série de Palestras Guerra dos 5 Sentidos é alguem que não deve ser escutado, embora pregue o que está escrito nos livros adventistas de Ellen White.

Os moderadores se sentem realizados em atacar os adventistas que aprovam as pregações de Daniel Spencer. Ridicularizam seus “irmãos de fé”  nomeando-os como “Spencerianos” e parecem concordar com a opinião de um membro da comunidade de que “O relinchar de um jumento vale mais do que mil palavras do Spencer”, (nesse caso o membro não foi censurado pela inquisição da moderação). Estranhamente sempre foi permitido difamar Daniel Spencer na comunidade. Mas um debate sobre a natureza trinitariana de Deus já tentaram proibir muitas vezes.

Lamentamos profundamente que exista uma comunidade adventista no Orkut regida sob diretrizes ditadoriais, onde membros sofrem escárnio e conforme denúncia são mantidos em GUETOS, ou seja, tópicos onde ”adventistas sujos” podem participar, enquanto os ”adventistas limpos” os mantém sob vigilância. Lamentamos que os moderadores também desacreditem de várias doutrinas adventistas (decreto dominical, vegetarianismo) e ainda difamem pessoas como o pregador Daniel Spencer.

Aparentemente, se as denúncias apresentadas estiverem corretas, os moderadores da Comunidade Adventistas 7° Dia são influenciados diretamente por anjos expulsos do Céu. Somente muita oração poderá livrar o povo adventista de seus cruéis ditadores da Internet.

_________________________________

PARTE 2

MODERADORES DESEJAM ENVIAR ATEUS PARA “CAMPOS DE CONCENTRAÇÃO”

Como vimos anteriormente, a moderação da comunidade adventistas do 7° dia do Orkut estabeleceu restrições a liberdade de expressão catalogando seus próprios irmãos em GUETOS, ou seja, tópicos únicos e restritos onde as pessoas consideradas “perigosas” podem ser vigiadas. Os adventistas considerados perigosos são:

1- Os vegetarianos classificados como defensores da “salvação pelo alface”.

2- Os que aprovam as pregações de Daniel Spencer, classificados como “Spencerianos”.

3- Os adventistas que creem que o apocalipse virá nessa geração classificados como “fanáticos, alarmistas e loucos”.

4- Os adventistas que gostam de debater as doutrinas da Trindade, Dízimo, Natureza de Cristo e Perfeccionismo do Cristão classificados como dissidentes, pertubadores, criadores de desordem.

Novas denúncias dizem que os adventistas que defendem que a música Rock tem algum tipo de ligação com Lúcifer, também são discriminados e sofrem BULLYNG, sendo enviados para os Guetos (Tópicos Restritos).

Após os adventistas  terem sido classificados, discriminados e enviados para “Campos de Concentração”, os moderadores agora desejam proibir  a manifestação de Ateus na comunidade, impedindo que eles tirem dúvidas e o amor de Jesus chegue até eles. Foi criado uma enquete com o objetivo de mantê-los em Guetos ou tópicos restritos com severa restrição à liberdade de expressão:


Percebam que a comunidade tem 86 mil membros, mas uma elite de 20 votos decidiu em 14 de dezembro de 2011 que os ateus devem ser confinados em “campos de concentração”.

Qual será o próxima denúncia contra essa moderação?

_____________________________________________

Parte 3

Adventistas Idosos são Xingados na Comunidade Adventista

Os moderadores da comunidade adventista do 7° dia do Orkut, não satisfeitos em oprimir seus irmãos se voltaram contra adventistas IDOSOS.

Vejamos o desabafo de uma adventista idosa cansada de ser xingada:

Postagem de 01/10/2011:


Postagem de 29/09/2011


Ao que tudo indica essa adventista idosa foi EXPULSA da comunidade.

_________________________________

PARTE 4

Testemunhos no Orkut contra a moderação da comunidade adventista do 7° dia

Através do testemunho de pessoas diferentes; denúncias ganham credibilidade. Os testemunhos a seguir foram retirados no dia 05/01/2012 da comunidade Jovens Adventistas do 7° Dia. A foto dos participantes foi borrada para preservar a identidade perante terceiros.

Nenhum comentário: