Somente Cristo! Somente a Bíblia!

"Fiz uma aliança com Deus: que ele não me mande visões, nem sonhos, nem mesmo anjos. Estou satisfeito com o dom das Escrituras Sagradas, que me dão instrução abundante e tudo o que preciso conhecer, tanto para esta vida quanto para o que há de vir." - Martinho Lutero
Carregando...

quinta-feira, 13 de dezembro de 2007

É verdade Que Os Pastores Adventistas Que Mais Batizam Podem Obter Melhores Ganhos?

Deus abençoe e fortaleça seu ministério irmão. Irmão, diga-me se é verdade que os pastores adventistas que mais batizem podem obter melhores ganhos, seja em dinheiro ou mesmo um automóvel? Sabe, irmão, igualmente a você, algo que me causa tristeza, quando eu assistia à igreja adventista de Nagunagua, aqui na Venezuela, é ver como muitos irmãos podem perder-se por causa de outros que não lhes importa o mínimo de amor ao próximo. Irmão, sinto-me feliz e dou graças ao Senhor por me haver apartado dali, pois cada dia sinto-me melhor e dedico louvores ao Senhor. Se quero dançar para o senhor, faço-o, se desejo cantar, faço-o, ao Senhor meu Deus, meu Salvador, meu Amigo, meu Amor. Definitivamente, irmão, sou livre para amar a meu Senhor e meu próximo e agora sinto esse amor para o compartilhar com os demais e gritar ao mundo que há um Deus maravilhoso, que Jesus pagou minha dívida. Amo-te, meu Senhor, meu Salvador, não há ninguém como Tu. Anônimo, 29 de junho de 2007. Prezada irmã, Que belo depoimento! Você recebeu a graça de nosso Senhor Jesus Cristo para salvação eterna e Seu Espírito para seu conforto nesta vida. Louvado seja o nome do Senhor! Os pastores adventistas são recompensados ou castigados em relação a seus batismos. Mas o pagamento é mais sutil. Por exemplo, se você batiza muitas pessoas, então pode ser considerado para líder departamental. Esta categoria o coloca mais alto no escalão de salários. Muitos pastores tentam batizar a muitas pessoas porque, então, qualificam-se para que os chamem como "evangelista" de missão, associação ou união. Os evangelistas recebem muitos bônus em excursões, gastos de viagens e, também, um escalão mais alto de salários. Por outra parte, se não batiza ou batiza pouco, mandam-no a um distrito longínquo, reduzem seu salário em médio tempo, chegando a ter que vender aos irmãos até as lições da Escola Sabatina, os hinários, as meditações matinais, tornando-se difícil manter sua família. O adventismo do sétimo dia é uma grande empresa e a matéria-prima são pessoas batizadas e que dizimem. Porque também pode um pastor batizar a muitos, mas o incremento em pessoas batizadas tem que se refletir em aumentos nos dízimos. Creia-me, irmã, eu fui líder Adventista e conheço esse labirinto no qual vivem os pastores adventistas e suas famílias. Faz-se-lhes achar que jamais poderão deixar o ministério porque pecarão se o fizerem e porque não podem fazer nada mais senão ser pastores. Esta é a razão pela qual há tanta concorrência por ganhar "almas", batizar. Todos aspiram a cargos superiores com maiores responsabilidades e um pouco mais de aumento no escalão de salários. Mas tudo isso é passado. Agora, resta-nos deleitarmo-nos em Cristo e em sua maravilhosa graça. No amor de Jesus, Haroldo Camacho, 29 de junho de 2007.

Nenhum comentário: